Site ou Rede social para ativar comunicação digital?

site ou rede social

Compartilhe este conteúdo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

“Site ou rede social para negócios?” Pergunta que ouço com muita frequência, e o que sempre respondo: invista nos dois, são plataformas diferentes com objetivos diferentes, porém estão conectados em função da atual comunicação digital.
Sites e redes sociais não devem ser tratadas como opostas e sim como complementares,  que vão direcionar as empresas por meios diferentes (site ou rede social) para um mesmo destino (objetivo).
A diferença entre site e rede social está na forma de comunicação com o usuário. Ambos são importantes, porém cada um irá comunicar o objetivo da empresa com linguagem própria.  O site tem a proposta de ser ambiente institucional, com organização informacional que possibilite, facilite o máximo possível o entendimento do cliente com a proposta da empresa e gere vendas ou contração, enfim a conversão do site.  A rede social, seja ela qual for, a do momento, a mais popular ou as bem segmentadas, tem como objetivo o engajamento, o relacionamento empresa-cliente. Portanto, não é site ou rede social para começar sua presença digital, é site e rede social!

Site: minha empresa precisa mesmo?

Com certeza, o site é seu, você registra o domínio no CNPJ da empresa. Essa é uma questão que poucos lembram ao criar perfil numa rede social. O perfil, pessoal ou comercial, não é seu, é do dono da rede, é do Mark Zuckerberg (Instagram ou Facebook), para citar um exemplo comum.
Com um site responsivo, bem desenvolvido, com tecnologia atual, com as técnicas e boas práticas de SEO, otimização de sites para buscadores, (Google, Bing, Yahoo!) você tem uma plataforma para atrair clientes e fazer negócios até mesmo com quem não conhecem sua marca. Através de pesquisas por palavras-chave em buscadores clientes potenciais podem chegar em seu site.
 Com um site você transmite credibilidade, é um endereço institucional de sua empresa na web, é um cartão de visita.  Oferece serviços online para além de suas limitações geográficas, como é o caso do e-commerce. Selos de segurança oficial podem ser conquistados o que permite que o preenchimento de dados bancários sejam seguros para o cliente que efetua uma compra.
E como ninguém é uma ilha, o site pode e deve estar conectado com as redes sociais. Faça a integração dos perfis da empresa com o site e amplie a conexão com os clientes.

Rede social: impossível viver sem

Estar presente na rede social é essencial para a boa comunicação digital. Sua empresa tem que estar onde seu público está, e não necessariamente estar em todas as redes sociais.
Há bons motivos para criar um perfil em rede social:

  • Plataformas gratuitas: não há cobrança financeira para criar um perfil;
  • Interação e engajamento: o público tem contato direto com a empresa, pode curtir, comentar, reclamar, sugerir.
  • Expansão do número de clientes: o brasileiro passa muitas horas conectados em redes social, a chance dele ver sua marca é alta, ainda que seja necessário investir em mídia paga.

Redes sociais caem, ficam fora do ar

Quem tem perfil em rede social, pessoal ou comercial, no Facebook ou no Instagram conhece a instabilidade dessas redes. E o que todo mundo faz?

  1. Percebemos que somos muito dependentes das redes sociais;
  2. Corremos para o Twitter para saber o que aconteceu na rede social ao lado. (se você não tem twitter, fica sem informação). Mas, para ser justa, o Twitter também já teve sua fase de instabilidade, e hoje tem bem menos inatividade. E  quem não lembra da famosa baleia, já aposentada e substituída por robôs.
  3. Ser produtivos, e deixar as distrações de lado e focar no trabalho. Ok, essa bem pouca gente faz, vamos voltar a nossa questão, o que fazer quando estamos sem acesso a rede social da empresa.

O que fazer quando não tem acesso ao perfil da empresa na rede social

É comum por motivos de instabilidade em servidores ou para atualização e software algumas redes sociais ficarem inacessíveis por algumas horas. Isso é algo que pode gerar prejuízos financeiros, ruídos de comunicação com o cliente, dificuldade para contato com o público.
O que uma empresa deve fazer:

  • Acessar as redes sociais ativas e comunicar que está disponível para contato por determinados canais;
  • Enviar mensagem por e-mail marketing comunicando a instabilidade da rede social.

Site e Rede social! Se as redes sociais caem ou acabam como sua empresa será encontrada?

Rede sociais é como o bar da moda, tem seu tempo de vida. Já tivemos o Orkut, o boom do Facebook e agora estamos com o Instagram ocupando o lugar de rede social do momento. Mas, até quando? Há muitos migrando para o Snapchat. O Twitter sempre na cola das redes sociais, referência para que tem  interesse em notícias. Tem o Pinterest consumindo o tempo de todos nós, tem o LinkedIn, uma rede social voltada para profissionais em busca de recolocação.
Rede social não garante estabilidade, registro social,  e como já foi dito, não é sua. Você não pode, não deve focar em apenas 1 canal de comunicação para promover a marca da sua empresa. Esteja onde seu público pode encontrar sua empresa. É no Facebook? Esteja lá. É no Pinterest? Esteja lá. É no LinkedIn? Esteja lá.
Mas, tenha um local seguro e próprio: um site com tecnologia atual e com pontos de conversão.

Mídia tradicional impulsiona a comunicação digital nas redes sociais e por buscas nos buscadores

É de conhecimento que a audiência da mídia tradicional diminui com o passar dos anos por diversos motivos, mas os programas de televisão e rádio ainda possuem grande influência sobre o comportamento do brasileiro na internet.  Quando um programa de televisão apresenta uma reportagem sobre segurança pública a empresa de vendas de câmera de vigilância está preparada para receber esse aumento de procura? O perfil no instagram será lembrado pelo cliente como a referência no mercado?
A sua marca está preparada para reagir positivamente a uma demanda crescente originária de uma ação offline?
Como está seu site?
Como está as ações de relacionamento no ponto de atendimento com o cliente?
Você gerencia lista de cadastro de clientes por telefone?
Então, você já percebeu que está passando da hora de pensar na sua marca apenas em redes sociais, é preciso promover em todos os canais, seja off ou on line. É importante ter as redes sociais como suporte para atendimento, relacionamento, promoção e divulgação de produto e/ou serviços. Ter um site que responda a demanda por procura de palavras-chaves é estratégico. Estar presente através de brindes promocionais, dê um telefone para o cliente, ofereça pronto atendimento e entenda suas necessidades.
Fica combinado ter uma marca forte e respeitada em todos os pontos de contato com o cliente. Isso se conquista com trabalho de comunicação e marketing e vai muito além de site e rede social. Eu fico por aqui e espero ter conseguido deixar claro a importância do site na presença digital da sua marca.

Se inscreva na nossa Newsletter

Fique por dentro de assuntos relacionados a Marca, Comunicação e Vendas

Navegue por outros temas e saiba mais

Veja agora outros posts que podem lhe interessar

Como escolher um produto para e-commerce
E-commerce

Como escolher um produto para vender online

Para muitos que estão planejando iniciar um negócio online e mais especificamente um e-commerce, o aspecto mais difícil de começar é por decidir quais produtos

Quer impulsionar a sua marca?

Fale Conosco