O que é Inbound Marketing

Compartilhe este conteúdo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O que é Inbound Marketing
O Inbound Marketing pode ser caracterizado como um agrupamento de ideias usadas para atrair potenciais clientes. Diferente do Marketing Tradicional ou Outbound Marketing, o Inbound Marketing trabalha de uma maneira mais orgânica, na qual os possíveis consumidores vão até a marca.
Existem várias estratégias para que o consumidor encontre a solução para o seu problema sem que as empresas tenham que ficar atrás dele fazendo propagandas a todo custo. O Inbound Marketing é mais delicado e não chega de qualquer maneira em qualquer momento para qualquer pessoa.
Não é muito simples explicar o que é o Inbound Marketing e como ele funciona. Mas tentarei detalhar o processo para que cada etapa fique bem entendida. O Inbound Marketing preza pela produção de conteúdos relevantes, acredita que a otimização de um site deve atrair o consumidor de forma voluntária, não aposta em propagandas aleatórias pela internet.
Pensando assim, a intenção desse tipo de marketing é fazer com que o negócio seja realmente bom e atrativo para que as pessoas cheguem até as empresas com interesses reais.
A primeira etapa do Inbound Marketing é a atração. A principal diferença do Marketing Tradicional para o Inbound Marketing nesse momento, é que o Inbound Marketing não deseja atrair todo tipo de pessoa, ele tem necessidade que as pessoas certas sejam despertadas. É preciso gerar um tráfego que seja de qualidade.
Mas, como fazer isso? Há várias maneiras de atrair as pessoas certas. Uma delas é criar um blog e fazer postagens frequentes sobre assuntos relacionados aos serviços que a empresa oferece ou aos produtos que elas vendem. Conteúdos que sejam relevantes e não cópias de outros sites.
O SEO também é importante nessa fase, já que o possível cliente irá fazer uma procura no Google para encontrar o que precisa. Nesse caso, seu site deve estar indexado na primeira página e também é importante que seja responsivo e otimizado.
Depois que as pessoas certas foram atraídas, o próximo passo é a conversão. Assim que o tráfego do site aumentou e a frequência de conteúdos relevantes também, é hora de gerar leads. Esse momento é importante para a captação de clientes interessados nos serviços ou produtos da empresa. Para a conversão se efetivar, é preciso que se adquira o e-mail do cliente e o máximo de informações sobre ele. É possível conseguir isso oferecendo e-Books, ofertas e sorteios.
É necessário que essa parte de conversão tenha um botão de Call- to Action, onde o usuário clica e cai em uma landing page na qual oferece os dados e ganha o sorteio ou download de algo.
Após garantir uma lista dessas informações, é importante se relacionar com essas pessoas. O e-mail marketing tem grande valor nesse momento. É necessário que haja um critério para o envio desses e-mails e que eles sejam realmente entregues a quem deseja receber. É preciso lembrar que as estratégias de Inbound Marketing não procura as pessoas, são os potenciais clientes que vão até a empresa. Ninguém quer receber muitos e-mails sobre o que não está procurando.
Nessa hora é necessário que o profissional que trabalha com o Inbound Marketing da empresa, já conheça o seu cliente, saiba as características desse consumidor e que segmente bem o seu público alvo.
É preciso que essas informações já estejam definidas para que o objetivo se concretize. Lembrando que a intenção do Inbound Marketing é conhecer seus clientes e fazer com que eles conheçam e procurem a empresa.
Com o relacionamento já consolidado, as pessoas que possuem o poder de compra no momento e desejam fazer, irão fazer. Esse passo tem a intenção de vender. O trabalho de captação de potenciais clientes já foi feito e deve continuar por toda a vida da empresa e, cada vez mais, atrair clientes. Todo trabalho feito em cada etapa vai ser compensado com essas vendas de serviços ou produtos.
Segundo o site Resultados Digitais, o Inbound Marketing é mais barato do que o Marketing Tradicional e garante mais resultados. Já que atrai as pessoas certas para seus negócios e não gasta com propagandas aleatórias.
Após todo o trabalho realizado, da atração até as vendas, é interessante que haja uma análise para a melhoria dessas estratégias e um maior conhecimento do consumidor que se atrai pela empresa. Além disso é necessário que haja uma preocupação em cultivar esse bom relacionamento para que ele seja reciclado e o cliente tenha confiança para voltar sempre.

Se inscreva na nossa Newsletter

Fique por dentro de assuntos relacionados a Marca, Comunicação e Vendas

Navegue por outros temas e saiba mais

Veja agora outros posts que podem lhe interessar

Como escolher um produto para e-commerce
E-commerce

Como escolher um produto para vender online

Para muitos que estão planejando iniciar um negócio online e mais especificamente um e-commerce, o aspecto mais difícil de começar é por decidir quais produtos

Quer impulsionar a sua marca?

Fale Conosco