Presença Digital além do seu site

Ter um site publicado é somente o primeiro passo de uma jornada. O cliente tem características de conduta que se afinam com sites e plataformas que são verdadeiros locais de convivência. Os mais conhecidos e quase obrigatórios são o Twitter, YouTube e Facebook. Essas redes são amplamente utilizadas pelas grande marcas. Presença Digital além do seu site é ter comprometimento com o cliente a partir de um bom conhecimento de hábitos e costumes de compras, diversão e navegação na web. É estar em contato em diversas plataformas e interagir de forma natural buscando um relacionamento amigável e estar apto para receber as informações por ele transmitida para em sequência melhorar ainda mais o atendimento e processos da empresa.

As Redes Sociais estão entre as principais ferramentas para uma presença digital efetiva e continuada. As muitas redes existentes hoje possuem finalidades cada vez mais verticais, são redes sociais dentro de redes sociais. Devemos lembrar que o Brasil é pais com grande adesão as redes sociais.

Presença Digital é ter máxima atenção as ferramentas de socialização que o usuário pode se interessar e criar uma ação de interação. Um exemplo é o software gratuito AroundMe do iPhone. O usuário pode estar, por exemplo, na Praça Sete em BH e querer saber onde tem uma agência do Banco do Brasil próxima. Ao abrir o software e selecionar “Bank” o programa localiza sua posição via GPS e apresenta as agências mais próximas a ele em um raio de até 10km. Ao selecionar a mais próxima, o sistema indica quanto metros ou quilômetros está de cada um dos pontos. Ao clicar em Maps terá o caminho a ser percorrido até a agência desejada.

A verdade é que o brasileiro gosta de compartilhar o que considera interessante. Seja festas, passeios, churrascos de final de semana, conversa de bar e outras informações (úteis e inúteis). E esse costume pode gerar a oportunidade para uma empresa ter sua marca divulgada de forma positiva. Imagine nas fotos de comemoração de um grupo de amigos apareça determinada marca de refrigerante ou cerveja. Você pode se perguntar, o que há demais nisso? Há que a marca está relacionada a um momento de descontração que transmite uma imagem positiva, afinal o ambiente deve ser de alegria. Então, o autor das fotos publica estas fotos no Facebook ou no Flickr e envia mensagem para seu grupo de amigos compartilhando o momento e também a marca da empresa. Percebeu?

A marca em questão pode tirar proveito desta situação. Como aproveitar para criar um ambiente digital para divulgar eventos sem custos para o usuário, ou ainda, ter retorno quanto ao uso de sua marca, se positiva ou negativa, afinal incidentes acontecem. E se a foto em questão relacionasse a marca a um momento negativo, um acidente por exemplo. Esta situação exemplifica como a Presença Digital é independente da ação de uma empresa. O mesmo se aplica as outras redes sociais como no YouTube, Vimeo e Google Vídeos. São inúmeras plataformas onde sua marca pode estar sujeita a citações positivas ou negativas.

Lembre-se: quando o usuário gosta de algo, compartilha. Há diversas ferramentas para o compartilhamento de informações como o Digg, Delicius, Twitter, Slideshare e outras, além das próprias redes sociais. Enfim, há uma infinidade de softwares, programas e ferramentas para que os usuários possam usar, mas não há necessidade das marcas estarem em todas. Há necessidade de entender onde o seu consumidor está, em como interagir com ele e de que forma. E para começar uma Presença Digital é bom entender a importância dos buscadores.

Deixar um comentário

Seu e-mail não ficará visível para os outros.