5 sinais que você precisa investir em redes sociais

5 sinais que você precisa investir em redes sociaisAs redes sociais têm sido cada vez mais usadas pelos brasileiros. Por esse motivo, muitas empresas utilizam as redes para alcançar seu público alvo.

Porém, devido a falta de conhecimento mais profundo sobre o assunto, muitos acreditam que ter uma página no Facebook ou até ter uma conta no Instagram e postar de vez em quando, já é o suficiente.

Por isso, identificamos 5 sinais que sinalizam a necessidade da sua empresa investir, de fato, nas redes sociais para ter um retorno positivo e crescente.

Você acha possível ampliar sua empresa sem ter presença digital

Talvez sua relação com as redes sociais seja de medo. Ou então, acha que essa onda é só uma fase e que em breve vai passar. Porém, segundo pesquisas, os brasileiros são os que mais ficam conectados pelo celular em todo o mundo. A maioria recorre à internet para fazer pesquisas, compras, buscar serviços, dicas, produtos etc.

O seu público está online, e, seu concorrente, provavelmente também está. Por isso, a empresa que não possui um site bem estruturado e redes sociais atualizadas e eficientes, acabam ficando para trás. É uma questão de lógica. Se o seu público está online, só é possível ampliar e atingir mais clientes, se alcançá-los onde eles se encontram, logo, é preciso se fazer presente no mundo digital. 

Você só conhece o Facebook e o Instagram

Se você já entendeu que é importante estar online, mas só conhece e até tenta usar apenas o Facebook ou o Instagram, é hora de aprimorar sua estratégia. Primeiramente, é essencial saber qual é o seu produto, e assim, qual é seu público-alvo. A partir daí, é importante pesquisar e conhecer as redes sociais mais usadas, para descobrir quais são as melhores opções e como elas funcionam. Dessa forma, além de facilitar a produção de conteúdo, você saberá onde é melhor investir.

Você acredita que todas as redes sociais tem o mesmo funcionamento

Para melhor avaliar qual a melhor estratégia, leia o texto: Perfil em rede sociais: devo estar em todas? Mesmo que um grupo de pessoas esteja presente em diversas redes sociais, cada rede possui um funcionamento diferente. Esses funcionamentos não são apenas de ferramentas, mas, também, de melhores dias, horários e estilos de divulgação do conteúdo.

Fazer posts simplesmente para deixar o perfil da empresa atualizado não é suficiente. É necessário planejamento de conteúdo para um alcance significativo do público. As redes sociais mais usadas já são conhecidas por alguma característica que pode te ajudar a escolher a melhor forma de publicar, sendo elas:

Instagram

É uma rede social de imagens e vídeos curtos. Por isso, manter a frequência de postagens e investir na qualidade da foto e em sua composição, é fundamental para agradar e conseguir seguidores.

Twitter

140 caracteres para dar todas as informações pode parecer desesperador, mas o perfil dessa rede social é dinamismo e objetividade. Não é a toa que as grandes empresas de comunicação utilizam o Twitter para deixar seus seguidores sempre atualizados.

Facebook

Talvez o mais conhecido, tem imagens, vídeos, textos e até enquetes. É uma rede com muitas ferramentas. Um ponto positivo para as empresas, é a opção de criar uma página ao invés de perfil pessoal. Assim a empresa pode estar em um ambiente popular, sem deixar de lado o objetivo profissional.

YouTube

Vídeos curtos e interessantes são ótimas maneiras de atrair público para seu conteúdo virtual. Como são vídeos, a qualidade e composição dos vídeos também é um fator decisivo para obter sucesso.

LinkedIn

É uma rede social de negócios, portanto, é um ambiente profissional onde as pessoas compartilham currículo, indicações, conquistas profissionais etc.

Não existe alguém ou uma equipe destinada a cuidar dessa área

Cuidar das redes sociais de uma empresa, é diferente de cuidar das redes sociais particulares. Isso significa que as redes não devem ser vistas como algo irrelevante e fácil de fazer. Cuidar das redes, e, principalmente, do público que o segue, é primordial para aprimorar a conexão da empresa com seu público. Por isso, para evitar dores de cabeça e problemas com a continuidade de conteúdos (não adianta postar regularmente duas semanas e depois parar), é interessante eleger alguém ou uma equipe que ficará responsável apenas por cuidar das redes sociais da instituição.

Você não enxerga os usuários como pessoas

Postar textos, fotos ou vídeos, tudo para atrair público. Porém, um erro grave que muitos cometem, é esquecer que os usuários das redes sociais são pessoas! Isso quer dizer que mesmo virtuais, seus clientes continuam tendo preferências, sonhos, comparando seu produto com o da concorrência, e que como se estivessem na sua loja -ou empresa-, eles querem ser tratados com respeito e educação.

Por isso, mais uma vez repito que é essencial dedicar tempo às redes sociais. É um caminho de mão dupla. Não adianta lotar seus perfis virtuais com conteúdo, se você não se prepara para a interação e feedback imediatos. As pessoas curtem, compartilham, comentam. Às vezes bem, às vezes nem tanto.

O que pode fazer a diferença para seu público acompanhar seus canais e até mesmo divulgar espontaneamente seu produto, é o tratamento que ele receberá de você. Por isso, lembre-se sempre que por trás de cada seguidor, existe um cliente que precisa de paciência e cuidado.

Acompanhe-nos nas redes sociais, Facebook, LinkedInYoutube e Twitter, e fique por dentro das novidades do marketing digital.

 

Deixar um comentário

Seu e-mail não ficará visível para os outros.